A Princesa do Alva

Sem comentários

Este slideshow necessita de JavaScript.

Dão-lhe o nome de Princesa do Alva.
É adequado porque o rio Alva é o coração de Côja.
É o que lhe dá vida e encanto.
 Mas também há a história de um homem com um enorme coração para os mais desfavorecidos, o médico Alberto Valle.

Ponte de Coja sob o rio Alva
Ponte de Côja sobre o rio Alva

A povoação fica nas duas margens do rio e a ponte estreita e românica de três arcos permite uma vista surpreendente da vila. Em particular na direção da confluência da Ribeira da Mata com o rio Alva.

No verão a paisagem refresca o olhar, no inverno romanceia a frieza do casario.

Num dos extremos da ponte, após uma pequena escadaria, está um busto e ao lado uma casa apalaçada.

Homenagem a Alberto Valle
Homenagem a Alberto Valle

O busto é de Alberto Valle e a casa pertence à família.
A homenagem da população de várias freguesias desta região é o tributo a um médico que ficou conhecido como o médico dos pobres. Durante muitos anos não cobrava a consulta a pessoas de poucos recursos e estava sempre disponível para auxiliar os mais desfavorecidos.
O filho, Fernando Vale, também seguiu as pisadas do pai e destacou-se pela sua ação cívica no combate à ditadura e defesa dos valores democráticos e, genuinamente, maçónicos.

Largo Alberto Valle
Largo Alberto Valle

Alberto Valle exerceu medicina nesta região algumas décadas e um outro sinal de reconhecimento da população de Côja foi colocar o seu nome na toponímia local, talvez no lugar mais importante, o largo onde está o pelourinho e é o ponto de encontro dos habitantes.

O pelourinho de Coja
O pelourinho de Côja

O pelourinho foi reconstruído e está rodeado de várias casas antigas com brasões. Numa delas funciona um café, no salão é onde se conversa e joga às cartas, numa sala ao lado estão os bilhares e no lado oposto funciona o bar.

No solar joga-se às cartas
No solar joga-se às cartas

No largo há bancos ao ar livre. Vários homens vão passando o tempo. Contam com tristeza que há cada vez menos jovens.

Os estrangeiros que têm vindo viver para a região, em particular holandeses, não são suficientes para revitalizar a economia e alimentar a esperança de que vai estagnar a saída dos casais mais jovens.

Igreja de Coja
Igreja de Côja

Do largo há uma rua que vai até à igreja onde temos um bom miradouro da vila.
Em sentido contrário, se descermos, vamos rapidamente para o Parque Verde.

Ribeira da Mata flui para o Alva
Ribeira da Mata flui para o Alva

É aqui que passa a ribeira que se vai juntar ao Alva, depois de atravessar outra ponte, também de pedra e igualmente com três arcos.
No verão a praia fluvial de Côja é uma das mais bonitas e procurada em toda a região.

Rio Alva
Rio Alva

Muitos visitantes passam por Côja quando vão para o Piódão.

Côja já foi concelho, já foi freguesia e agora até este estatuto tem de partilhar com outras localidades vizinhas.
Côja faz parte do concelho de Arganil e está a 11km da sede de concelho.

A Princesa do Alva faz parte do podcast semanal da Antena1 Vou Ali e Já Venho e pode ouvir aqui.
A emissão deste episódio, A Princesa do Alva, pode ouvir aqui.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s