A caixa de música mecânica que encanta

Sem comentários

O Museu da Música Mecânica está num edifício que parece uma caixa de música e no interior tem mais de 600 peças raras que nos deslumbram pela beleza, engenharia e sonoridade.

site_musica_museu_0230É único em Portugal e fica na freguesia do Pinhal Novo. É a realização de um sonho de um colecionador e um espaço de sensações que nos faz reviver histórias e sons de contos de fada.

O Museu da Música Mecânica tem peças raras em todo o mundo e muitas são únicas em Portugal. Luis Cangueiro, o dono da coleção, teve sempre a preocupação de recuperar o sistema mecânico o que permite ouvir a música de todas as peças, como tocavam originalmente.

site_musica_museu_0223Algumas das peças são do final do séc. XVIII e a coleção termina nas primeiras décadas do séc. XX.
site_musica_museu_0138A exposição tem três galerias organizadas de acordo com as diversas tipologias de aparelhos.
Numa delas encontramos espantosas caixas de música de cilindros de madeira ou de metal.
site_musica_museu_0178São caixas com sistemas simples ou a mecânica é muito mais complexa. Por exemplo, são inseridos outros instrumentos como campainhas e tambores o que aumenta a diversidade e a imaginação de sons.
site_musica_museu_0155Muitas caixas mantêm a decoração original e estão em ótimo estado de conservação. Factores que contribuem para a surpresa e o deslumbramento por parte dos visitantes. Uma reação comum é a emoção.
Todos ficam maravilhados com a “inventiva e a minúcia” dos artífices, utilizando a expressão de Marcelo Rebelo de Sousa quando da inauguração em 2016.

site_musica_museu_0239Os mais velhos ficam também emocionados com as memórias dos gramofones, fonógrafos e grafonolas que ocupam uma galeria. São muito bonitas. As cores, as formas e os pormenores tornam impossível destacar uma ou duas como as mais bonitas.
Muitas das caixas ou grafonolas foram produzidas na Alemanha, França, Suíça e Estados Unidos e tocavam músicas portuguesas porque os cilindros ou os discos eram por vezes encomendados.
Muitas destas músicas podem ser ouvidas no decorrer da visita.
site_musica_museu_0171Ao lado de alguns instrumentos há um processo que permite reproduzir o som original. Se for numa visita guiada é possível ver e ouvir o próprio instrumento a tocar. Há visitas guiadas todos os Sábados e domingos e é o próprio colecionador que faz o percurso com os visitantes. É outra forma de concretizar o seu sonho e cumprir “o legado que pretendo deixar ao meu país”.

site_musica_museu_0181Luis Cangueiro é licenciado em Filologia Clássica e é um apaixonado por fotografia e música. Em casa tinha uma caixa de música Ariston. Muitos anos depois, em 1986, adquiriu a primeira peça da coleção e nunca mais parou.
site_musica_museu_0219A recolha durou mais de 30 anos e teve também um longo processo para concretizar o sonho de criar um espaço onde “parte da memoria da humanidade possa ser partilhada” com muitas mais pessoas.

site_musica_museu_0127Este último sonho foi realizado em 4 de Outubro de 2016 com a inauguração do Museu em Arraiados, freguesia de Pinhal Novo e concelho de Palmela. É no meio de um ambiente rural onde Luis Cangueiro já tinha uma quinta.
Todo o investimento é privado, inclusive o edifício do arquiteto Miguel Marcelino que é uma réplica de uma caixa de música e cujo alçado principal tem uma concavidade parecida com as campânulas dos gramofones.

site_musica_0859Na quinta há também um espaço verde e uma escola de equitação.
Segundo Andreia Martins, coordenadora de comunicação do Museu, pretende-se que exista complementaridade entre os dois espaços em iniciativas dirigidas essencialmente aos mais novos

site_musica_museu_0183Estas valências – música e espaços verdes/equitação – são também muito relevantes em programas para pessoas com necessidades especiais que frequentemente visitam o museu e a quinta.
O Museu tem ainda um centro de documentação e promove conferências e exposições temporárias.
Pode ver aqui os horários e como chegar.
site_musica_museu_0216A caixa de música mecânica que encanta faz parte do podcast semanal da Antena1, Vou Ali e Já Venho, e pode ouvir aqui.
A emissão deste episódio, A caixa de música mecânica que encanta, pode ouvir aqui.

O Vou Ali e Já Venho tem o apoio:
Af_Identidade_CMYK_AssoMutualistaAssinaturaBranco_Baixo

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

w

Connecting to %s