A brava maçã de Esmolfe

Sem comentários

Esta é a altura adequada para a colheita da Maçã Bravo de Esmolfe ou já saborear as suas qualidades que a tornaram uma das mais conhecidas em Portugal.

Maçã Bravo de Esmolfe ©DRAP
Maçã Bravo de Esmolfe são suculentas e perfumadas  ©DRAP

Foi também das poucas que resistiu às variedades estrangeiras que passaram a ter grande consumo interno.

É conhecida desde o século XVIII e a sua origem é da aldeia de Esmolfe, no concelho de Penalva do Castelo.

Terá sido obtida a partir de uma árvore de semente, no meio de um pinhal, sem a intervenção humana. Chamaram-lhe bravo por ter nascido de modo selvagem. Quando a saborearam entenderam que era muito saborosa.

site_esmolfe_9150Através de enxertos a Maçã Bravo de Esmolfe foi disseminada. Cultiva-se entre os 350 e 550 metros de altitude, em particular na Beira Alta e parte da Cova da Beira. A partir de 1994 passou a estar classificada com Denominação de Origem protegida (DOP)
A região demarcada vai de Armamar até à Covilhã.

Rua de Esmolfe
Rua de Esmolfe

É nesta altura que se sente a azáfama da colheita e recolha das maçãs. Na segunda quinzena de Setembro começa a ser colhida e, segundo Francisco Carvalho, presidente da Câmara de Penalva do Castelo, pode ficar algumas semanas nos celeiros dos agricultores que não perde qualidades. Conservada no frio aguenta-se muito mais tempo.

Percurso pedestre circular em Esmolfe para descobrir património histórico e pomares de maçãs
Percurso pedestre circular em Esmolfe para descobrir património histórico e pomares de maçãs

Em Esmolfe continua a haver muitas macieiras e através de um percurso circular de cerca de 8 km conseguimos ver alguns lugares históricos e os pomares.

Rua de Esmolfe
Rua de Esmolfe

É o caso de construções com seis mil anos, como a Anta do Penedo do Com ou mais recentes como a igreja matriz que é do séc. XVIII. Nas zonas mais altas o percurso é ladeado por pomares de Maçã Bravo de Esmolfe.

Maçã Bravo de Esmolfe tem polpa branca
Maçã Bravo de Esmolfe tem polpa branca macia e doce

Rapidamente se nota porque, conforme é referido na página dos Produtos Tradicionais Portugueses, é uma maçã que se caracteriza pelo seu aroma intenso e agradável.

O seu perfume era um método natural usado há cerca de um século no interior das habitações. Para anular o odor dos animais que habitualmente ficavam no piso de baixo e que no inverno aqueciam as casas. Além do aroma intenso a Maçã Bravo de Esmolfe caracteriza-se ainda pela polpa branca, macia e doce.

festa_esmolfeMuitas pessoas de vários pontos do pais o aproveitam o contacto directo com os produtores na feira que se realiza sempre no segundo fim de semana de Outubro em Esmolfe. Habitualmente são transaccionadas mais de 30 toneladas de Maçã Bravo de Esmolfe.
À Maça Bravo de Esmolfe é dado o estatuto de Rainha das maçãs portuguesas

Francisco Carvalho, presidente da Câmara de Penalva do Castelo
Francisco Carvalho, presidente da Câmara de Penalva do Castelo

A brava maçã de Esmolfe faz parte do podcast semanal da Antena1, Vou Ali e Já Venho, e pode ouvir aqui.
A emissão deste episódio, A brava maçã de Esmolfe, pode ouvir aqui.

O Vou Ali e Já Venho tem o apoio:Af_Identidade_CMYK_AssoMutualistaAssinaturaBranco_Baixo

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s