Butelo e casulas: da mesa dos remediados a ícone de Bragança

O prato de butelo com casulas faz parte do roteiro gastronómico de Bragança e até marca a ementa de um festival gastronómico.
No entanto, na Terra Fria, o butelo e as casulas eram a alternativa dos remediados que matavam o porco em Dezembro ou Janeiro e conservavam as carnes até ao Carnaval em que o butelo era consumido.
site_butelo_prato1“Era um produto feito com as partes menos nobres do porco que não dava para aproveitar para os salpicões ou chouriças”. Seguimos ainda a descrição de Hernâni Dias, presidente da Câmara Municipal de Bragança, que adianta que, “por exemplo, as pessoas aproveitavam os ossinhos do espinhaço, costelas e o rabo do porco. Colocavam na bexiga do porco e ficava no fumeiro durante algum tempo. Habitualmente era comido no Carnaval com as casulas, a vagem seca ao sol no Verão.”

Festival do Butelo e Casulas
Festival do Butelo e das Casulas

Hernâni Dias refere ainda o sabor do prato, “relativamente forte. É muito marcante para quem prova pela primeira vez o butelo. Como é acompanhado com as casulas, que no interior têm algum feijão, torna-se num prato forte, cria alguma robustez. No aspeto nota-se que é muito vivo porque o butelo é bastante avermelhado.”

Festival do Butelo e das Casulas
Festival do Butelo e das Casulas

O prato pode ser pedido em vários restaurantes que já ultrapassam o limite da cidade de Bragança e faz parte da dieta alimentar de muitas famílias da região. “Antes era por uma questão de necessidade. Agora, faz parte da mesa de muitas famílias nesta época. Há pessoas e empresas que se dedicam a produzir durante quase todo o ano o butelo. Há uma procura crescente a nível nacional e também na diáspora.”
site_botelo_3910Quem preferir saborear em casa pode adquirir o butelo porque aumentou significativamente a sua produção e distribuição. Em parte, devido ao efeito de eventos sobre este prato gastronómico. “Ganhou-se uma dinâmica que se alargou a toda a região. Todas as feiras têm agora butelo. Foi um contributo para o desenvolvimento da economia local porque aumentou consideravelmente o número de pessoas que produz o butelo como também a comercialização das casulas, o que não sucedia no passado.”
site_Outdoor_-_S_Lazaro_-_4000x3000mm-01_1_720_1000Uma das oportunidades para consumir o butelo e as casulas é no próximo fim de semana com o evento alusivo ao prato gastronómico que este ano junta o carnaval e os caretos.
Butelo e casulas: da mesa dos remediados a ícone de Bragança faz parte do programa da Antena1, Vou Ali e Já Venho, e a emissão deste episódio pode ouvir aqui.

O Vou Ali e Já Venho tem o apoio:Af_Identidade_CMYK_AssoMutualistaAssinaturaBranco_Baixo

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s