Baloiçar no Monte Alto de Arganil

A imagem de Arganil é indissociável do santuário de Mont’Alto que está no topo de um monte sobranceio à vila. É um cartão de visitas devido à paisagem que oferece. Agora a contemplação pode ser feita num baloiço.

O santuário de Mont’Alto está a mais de 600 metros de altitude.

O branco do edifício da capela, de grandes dimensões, sobressai acima de um manto verde que cobre a encosta da serra.

À noite, iluminado, percebe-se o motivo da relevância para a comunidade local do santuário mariano que comemora este ano meio século.

Foi mandado construir em 1521, mas antes já era lugar de devoção e penitência. A subida a pé é de tal modo exigente que originou a construção de pequenas ermidas ao longo do caminho.

Agora podemos aceder de carro, para andar de baloiço, a aquisição mais recente, e ver uma paisagem enorme, “muito bonita, conseguimos ver muitas serras e toda a vila de Arganil.

Cristina Carreira contemplava a serra do Açor que, entre outras, se destaca no horizonte. Mais próximo de nós, como se estivesse aos nossos pés, é o casario da vila de Arganil que capta a nossa atenção.

O baloiço foi colocado à sombra de uma árvore. No assento o desenho de um coração pode remeter para local de encontro de namorados. Mais um motivo para se ir ao miradouro. O tradicional é religioso, com a capela da padroeira e a torre sineira também orientadas na mesma direção do baloiço, para a vila de Arganil.

“É o principal santuário da vila e continuam aqui a fazer a festa anual”. É a 15 de Agosto, o dia da padroeira de Arganil e também uma boa oportunidade para se ver o interior da capela que tem arte sacra datada desde o século XV.

Algumas ermidas foram ao longo dos séculos ampliadas e destacam-se a Capela do Senhor da Ladeira, no alto do monte. No sopé, praticamente no início do percurso, chama a atenção a Capela da Senhora da Agonia que está classificada como Imóvel de Interesse Público.

Baloiçar no Monte Alto de Arganil faz parte do programa da Antena1 Vou Ali e Já Venho e a emissão deste episódio pode ouvir aqui.