Tomás Correia sugere Roteiro Renascer em Pedrógão Grande

O Roteiro Renascer nos concelhos mais fustigados pelos incêndios é uma sugestão de Tomás Correia, presidente da Associação Mutualista Montepio e presidente da Assembleia Municipal de Pedrógão Grande. O percurso sugerido leva à descoberta do património de Pedrógão Grande e ao deslumbramento pelo rio Zêzere. Em Pedrógão Grande existe um património religioso relevante. Destaca-se a Igreja Matriz e a igreja da Misericórdia. Um passeio pelas … Continue a ler Tomás Correia sugere Roteiro Renascer em Pedrógão Grande

O miradouro de Penedo Furado

Penedo Furado é um dos lugares mais conhecidos do concelho de Vila de Rei devido à praia fluvial. Em particular no Verão. A corrente da Ribeira do Codes refresca o ambiente e funciona como um oásis. A água é límpida e corre por um vale com duas pequenas comportas. A corrente não é forte, o curso de água tem pouca altura e por isso é um … Continue a ler O miradouro de Penedo Furado

O concilio dos deuses na Capela S. Pedro de Castro

A Capela de S. Pedro de Castro  está isolada no alto de um monte junto ao rio Zêzere e os deuses souberam escolher porque é um ambiente de grande harmonia. As serras, as cristas rochosas, a vegetação de pinheiro e oliveiras e o azul da albufeira de Castelo de Bode conjugam-se de tal forma que é um prazer subir ao alto do monte e descansar … Continue a ler O concilio dos deuses na Capela S. Pedro de Castro

Janeiro de Baixo entre os meandros do Zêzere

O Zêzere num dos seus meandros abraça Janeiro de Baixo. O rio pode ser visto do alto da aldeia, próximo da igreja. Temos um miradouro que revela a largura do Zêzere e que é ampla. Junto à água há uma roda de pedra que aproveitava a força motriz do Zêzere. Um caminho improvisado desce do miradouro até ao rio numa encosta que é íngreme e … Continue a ler Janeiro de Baixo entre os meandros do Zêzere

Mosteiro de xisto e praia

Mosteiro fica escondida num vale junto à Ribeira de Pêra que lhe dá maior encanto. No Verão é também um lugar privilegiado devido à bonita e cuidada praia fluvial. A ribeira alarga-se depois de passar por três pontes e forma a praia fluvial. A água é fresca e límpida e é envolvida por margens cobertas de relva ajudando a criar um ambiente muito calmo. A … Continue a ler Mosteiro de xisto e praia

Casal de São Simão é uma das mais bonitas Aldeias de Xisto

Casal de São Simão fica no concelho de Figueiró dos Vinhos, escondida no meio da serra e protegida por São Simão que está na ermida no topo do monte desde o séc. XV.   Casal de São Simão é pequena, tem cerca de duas dezenas de casas e é o traçado de uma rua que desce a encosta que define o alinhamento da aldeia. As casas … Continue a ler Casal de São Simão é uma das mais bonitas Aldeias de Xisto

São João em Rio de Onor

Rio de Onor é uma das aldeias transmontanas que mais preserva a sua identidade. Uma das festas tradicionais que preserva é a do São João, o orago da aldeia, que vai ser assinalada esta semana. Muito mudou nas últimas décadas mas Rio de Onor continua com o espírito comunitário. A maioria das casas mantém a traça original, são de pedra e o telhado de lousa. … Continue a ler São João em Rio de Onor

A praia do Alamal vigiada por um castelo

O Alamal é uma praia natural com águas calmas do Tejo e sempre vigiada pelo castelo de Belver. Faz inveja a quem passa de comboio na outra margem do rio. É um lugar isolado no fundo de uma encosta íngreme e utiliza parte da estrutura de uma antiga quinta. Carlos Marques conhece bem a Praia do Alamal e o rio entre as barragens do Fratel e … Continue a ler A praia do Alamal vigiada por um castelo

As praias da Albufeira do Azibo

Uma das melhores praias fluviais em Portugal está na paisagem protegida da Albufeira do Azibo, no concelho de Macedo de Cavaleiros.   Na verdade, são duas praias que aproveitam um lago enorme albufeira do Rio Azibo. As praias da Fraga da Pegada e da Ribeira têm uma grande extensão e a envolvência da natureza é marcante. Além disso, a Praia da Ribeira foi eleita uma das praias … Continue a ler As praias da Albufeira do Azibo

É Benfeita e única a Torre da Paz

Benfeita faz parte das Aldeias de Xisto mas é muito mais do que isso. Em primeiro lugar é caso único em todo o Mundo, com uma torre que todos os anos assinala o fim da II Grande Guerra.É a Torre da Paz. A torre foi construída em 1945 por iniciativa de Mário Mathias, jurista e natural de Benfeita. Em Abril de 1945 foi colocado o … Continue a ler É Benfeita e única a Torre da Paz

O resistente Castelo Novo

Ponto prévio: Castelo Novo tem um impressionante enquadramento natural mas parte da riqueza paisagística foi recentemente destruída com os incêndios. No entanto, continua a ser de visita obrigatória devido ao fabuloso casario e património histórico que mantêm a traça original, mesmo que caia de pé, como as ruínas do Castelo que há cerca de 800 anos vigiam o longo planalto beirão. A Serra da Gardunha … Continue a ler O resistente Castelo Novo

Isabel Silvestre convida para a noite de cantares em Manhouce

  Manhouce vai ter por estes dias a noite de cantares. É um dos pontos altos da vida da aldeia do concelho de São Pedro do Sul. Juntam-se os emigrantes aos residentes em todos os lugares da freguesia. Cada um canta 3 cantigas e no final cantam todos. A noite de cantares é o “reencontro”, entre o presente e o passado e os que estão … Continue a ler Isabel Silvestre convida para a noite de cantares em Manhouce

Piódão só é Presépio em época baixa

  A Aldeia Presépio perdeu algum do seu encanto porque as ruas estão cheias de visitantes. O espírito de uma aldeia isolada, histórica, inserida num belo contexto paisagístico na serra do Açor foi fortemente condicionado por hordas de turistas. De todas as aldeias de xisto, o Piódão foi, talvez, a que teve mais sucesso e isso também tem um custo. Apesar disso, o Piódão merece uma … Continue a ler Piódão só é Presépio em época baixa