Verdelhos tem uma das praias fluviais mais bonitas da serra da Estrela

Verdelhos, na serra da Estrela, tem duas praias fluviais. O rio Beijames oferece a primeira, magnifica, com cascatas, pouco depois da nascente. A segunda praia fluvial atravessa a aldeia. É difícil saber a que tem água menos fria. Verdelhos integra o Parque Natural da serra da Estrela, está a mais de mil metros de altitude…

Ler Mais

Fugir do calor da campina ribatejana na praia fluvial de Valada do Ribatejo

Valada do Ribatejo oferece três em um: passeio pela paisagem ribeirinha ao lado do Tejo, um mergulho no rio e o relaxe à sombra num parque com vista para ilhas e Escaroupim. No ambiente ribatejano, habitualmente muito quente nos dias de verão, podemos refrescar no rio Tejo e tirar partido da praia fluvial. Nem que…

Ler Mais

Praia Doce no Tejo

Próximo de Salvaterra de Magos o rio Tejo oferece uma amena praia fluvial. A Praia Doce é um recanto com uma ilha a proteger os banhistas e as aves que também tiram partido do refúgio natural. A Praia é Doce porque o Tejo se torna afável entre ilhas e uma ligeira corrente de água oferece…

Ler Mais

A praia fluvial de Rapoula do Côa: uma das melhores no rio Côa

A praia fluvial fica mesmo ao lado de Rapoula do Côa e o ambiente muda radicalmente. O espaço urbano, com as casas típicas da Beira, é substituído por um universo natural onde domina o rio Côa que se aproxima ladeado de filas de árvores. Um açude forma um largo espelho de água que reflete as…

Ler Mais

Baloiços lilás nos passadiços do Trilho da Barca d’Amieira

Os baloiços da “Árvore Lilás” são muito mais interessantes do que sugere o nome. Fazem parte dos passadiços do Trilho da Barca d’Amieira e têm uma vista fantástica para o Tejo e para uma ponte pedonal suspensa. São baloiços um pouco kitsch. A começar pelo nome, “Baloiços Instagramáveis da Árvore Lilás”, outra situação estranha. A…

Ler Mais

Desconfinar no Baloiço dos Amigos de Santa Cristina

Baloiçamos em silêncio, rodeados de árvores e com vista para a serra do Bussaco e a aldeia de Santa Cristina, no concelho da Mealhada. A estrutura do baloiço e a decoração em redor são um testemunho de superação de crises que nos batem à porta. Agora o importante é baloiçar. O Baloiço dos Amigos de…

Ler Mais

“Sentar e sentir” o Tejo no Baloiço Bico da Goiva

O enquadramento natural provoca de imediato uma reação de deslumbramento. Uma estrada de terra batida acompanha num quilómetro e meio a Vala Real e termina num bico de terra, o Bico da Goiva, e o movimento do olhar é acompanhado pelo balouçar para o Tejo. “Sentar e sentir” é o que está escrito no assento…

Ler Mais

As Portas do pôr do Sol de Santarém

“Impõe-se, por exemplo, a quem contempla a ampla e deslumbrante paisagem que se avista do jardim da alcáçova de Santarém. O seu elemento dominante é, obviamente, o imponente rio que flui de horizonte a horizonte, entre os bancos de areia que as águas contornam preguiçosamente. De cada um dos seus lados, estendem-se, a perder de…

Ler Mais

Prepare-se para a Noite dos Morcegos

Vai haver Noite dos Morcegos. Ficamos à espera deles (são milhares) à entrada da gruta da Lapa da Canada, no concelho de Alcanena, próximo da nascente do rio Alviela. A iniciativa é do Centro de Ciência Viva. Segundo a diretora do Centro de Ciência Viva do Alviela, Paula Robalo, a gruta é “um importante abrigo…

Ler Mais

Regar palavras de musgo na incansável biblioteca de Vila Velha de Ródão

Hoje assinalamos o Dia Mundial das Bibliotecas com uma visita à Biblioteca Municipal de Vila Velha de Ródão. São vários os motivos da escolha. Um deles é vermos um excerto de um poema escrito num mural de musgo. Virado para o rio Tejo. A nossa escolha recaiu na Biblioteca Municipal de Vila Velha de Ródão,…

Ler Mais

A descoberta do Tejo da lezíria ribatejana e da cultura avieira num passeio de barco

Um passeio de barco no Tejo ao longo dos terrenos abertos da Lezíria ribatejana, abre-nos novas perspetivas do rio. Da sua dimensão, vestígios do passado e, em particular, a sua beleza natural. São muito poucos os núcleos urbanos, alguns espelham a cultura avieira com o cais palafítico e as casas típicas de madeira. A paisagem…

Ler Mais

A capela de S. Pedro que é Monumento Nacional

A bonita capela de S. Pedro fica no lugar com o mesmo nome, a um quilómetro de Arganil. Facilmente se destaca à beira da estrada (N342) devido à sua arquitetura e ao recurso de seixos na sua edificação. É uma construção antiga, com mais de sete séculos. “Está classificada como Monumento Nacional e é um…

Ler Mais

A chegada do Tejo vista do Miradouro de Malpica

É um dos primeiros miradouros que tem vista para o Tejo, ainda fazer de linha de fronteira com Espanha. O ambiente é profundamente natural, marcado por serras, vegetação densa e o rio que marca o contraste de cores na paisagem. O rio estabelece a fronteira, mas no plano paisagístico não é grande a diferença.O terreno…

Ler Mais

Pego do Inferno nos Mosteiros

A cascata do Pego do Inferno, próximo de Mosteiros, no concelho de Arronches, exprime com rigor a força da água entre blocos graníticos e a beleza de um lugar escondido. A cascata do Pego do Inferno fica num vale não muito profundo e tem vários poços de água. Está num lugar isolado e sentimo-nos num…

Ler Mais

Cascata de S. Julião é uma das mais espectaculares no Alentejo

A água cai quase a pique mais de uma dezena de metros e depois escorrega entre várias rochas escuras e alisadas pela erosão. Quase sempre escondida por denso arvoredo. A cascata de S. Julião, no concelho de Portalegre, rompe no meio de uma encosta e e o curso de água, pouco depois, fica encoberto pelas…

Ler Mais

Cascata e praia fluvial do Pego em Penha Garcia – “água corrente não mata a gente”

A cascata do Pego, em Penha Garcia, tem uma localização fantástica. Um vale profundo marcado por escarpas enormes que guardam icnofósseis e transformam a piscina num anfiteatro natural. A cascata do Pego tem meia dúzia de metros de altura e a piscina, entre rochas e muros de pedra, faz a delicia de muitos visitantes, em…

Ler Mais

O encanto “perfeito” da cascata e da piscina natural de Paul

É um anel de beleza natural e um recanto de frescura no verão com água límpida e fresca.“É uma das piscinas naturais mais bonitas que eu já vi”, disse-nos uma jovem espanhola que tinha acabado de mergulhar no “poço”. A água está sempre a correr, com a pureza e a temperatura da serra da Estrela.…

Ler Mais

Paul do Boquilobo e das aves

A Reserva Natural do Paul do Boquilobo fica a apenas 6km da Golegã e é um lugar tranquilo. Não tem residentes permanente, são poucos os visitantes e é um santuário para a vida selvagem, em particular para as mais de duzentas espécies de aves. Algumas espécies de aves são residentes permanentes, outras vêm nidificar e…

Ler Mais