Etiqueta: arqueologia

Lousal: um bom exemplo de arqueologia industrial

Em 31 de Maio de 1988 foram encerradas as minas de Lousal, no concelho de Grândola. 30 anos depois, um feliz projeto de preservação das minas de pirites permite visitar a exploração mineira, andar em galerias subterrâneas e ter a sensação o dia a dia dos mineiros. Uma das experiências mais interessantes é caminhar cerca

Continue a ler

Castro da Cola em Ourique – os “precursores” dos alentejanos

O Castro da Cola é um sitio arqueológico que revela como vários povos desde o neolítico até à época medieval viveram nesta zona próximo do rio Mira. São os precursores dos alentejanos e o local é hoje o principal pólo turístico do concelho de Ourique. Cerca de 30 estações arqueológicos ocupam uma vasta área próxima

Continue a ler

A estação de serviço da A25 das vias romanas

Relativamente próximo de Mangualde passa a A25, com muito trânsito para Espanha, mas há mil anos era mais ou menos assim: “vamos pernoitar na estalagem da Raposeira, encontramos os que vêm no outro caminho, de Viseu, toma-se banho de água quente e fria e depois seguimos para Mérida”. É ainda um longo caminho mas os

Continue a ler

Anta do Zambujeiro é a maior na Península Ibérica

A Anta Grande do Zambujeiro é uma das maiores da Europa e a maior na Península Ibérica, com 50 metros de diâmetro. Impressiona como a conseguiram erguer há 6 mil anos. A serra de Monfurado tem minas, paisagens e monumentos megalíticos e romanos que surpreendem qualquer visitante pela beleza ou singularidade. A serra já foi

Continue a ler

Cabeço das Fráguas é um dos lugares míticos de Portugal

Cabeço das Fráguas - Cortesia, Instituto Arqueológico Alemão, Madrid

O Cabeço das Fráguas junta tudo: religião, lendas, arqueologia, história e até uma das raras inscrições em língua lusitana com caracteres latinos. João Mendes Rosa, diretor do Museu da Guarda diz que o Cabeço das Fráguas é um desses lugares míticos que se inscreve no imaginário coletivo português, fundamentalmente com a nossa etnogênese fundacional que

Continue a ler

A surpresa de Vilar Maior

Aldeia bem cuidada, a igreja matriz é bonita, o museu preserva o espaço que foi o símbolo do município e, na subida para o castelo, destaca-se o casario de granito que não foi destruído nem profundamente desvirtuado. Só por isto valeu a pena fazer o desvio de 10 km da estrada que vai para o

Continue a ler

As lendas da Aldeia do Bispo

A Aldeia do Bispo, no concelho de Penamacor é uma aldeia de lendas e tesouros por descobrir. A começar pelo nome: não se sabe a origem, o que é que o bispo tem a ver com a localidade. Depois, foi descoberto aqui o Tesouro da Lameira Larga. Uma caixa de chumbo que estava numa sepultura

Continue a ler