Pare, Escute e Olhe. Vai passar o Rail Bike

Um passeio numa antiga linha de comboio entre Marvão e Castelo de Vide num “comboio” movido a pedais e onde se descobrem bonitas paisagens do Parque Natural da Serra de S. Mamede. O passeio foi de 8km a partir da estação de Marvão-Beirã em direcção a Castelo de Vide e passámos por uma passagem de…

Ler Mais

Andar sem carris na Ecopista do Dão

O contato com a natureza e em particular a proximidade com vários rios são algumas marcas da Ecopista do Dão. Este é um dos motivos porque ao longo do percurso de 49km encontramos muitas pessoas a caminhar ou a andar de bicicleta. Nem todos percorrem a Ecopista do Dão duma só vez como é o…

Ler Mais

O património da Linha do Oeste

Viajar nos cerca de 200 km da Linha do Oeste é assistir ao vivo a um documentário sobre a criação dos caminhos de ferro em Portugal. A circulação ferroviária na Linha do Oeste, entre Lisboa e a Figueira da Foz começou no final do século XIX e nos dias de hoje podemos ver uma parte…

Ler Mais

Uma viagem fora dos carris no Museu Nacional Ferroviário

Este fim de semana é dois em um no Museu Nacional Ferroviário no Entroncamento. Podemos assistir ao Festival do Vapor – Steampunk e descobrir as milhares de peças da ferrovia em Portugal desde os seus primórdios. O Festival do Vapor – Steampunk decorre de 27 a 29 de Setembro e, segundo a organização, “A História,…

Ler Mais

Pinhão D’ouro

O Douro tem uma das mais bonitas linhas ferroviárias portuguesas e a estação de Pinhão é ponto de paragem obrigatório. No passado porque era para abastecer a caldeira do comboio a vapor. Agora, o Comboio Histórico do Douro repete parte dos procedimentos mas além de se reviverem os rituais do transporte ferroviário de há um século…

Ler Mais

S. Bento – a estação dos cabeças no ar

A Estação de S. Bento no centro histórico do Porto tem sido distinguida como uma das mais bonitas do Mundo e, podemos exagerar um pouco, é uma estação de cabeças no ar. Tantos que por vezes é impossível tirar uma fotografia sem alguém estar a olhar para o tecto. De mapa na mão, centenas de turistas…

Ler Mais

Estação do Rossio – uma das mais bonitas do Mundo

A Estação do Rossio em Lisboa é uma das mais bonitas em todo o mundo. Não passa despercebida a muitas publicações internacionais que por várias vezes lhe atribuíram esse estatuto. A Estação do Rossio não tem a dimensão de gares de Paris ou Nova Iorque mas, certamente com base subjectiva, supera-as com a beleza de um…

Ler Mais

A Pampilhosa e o comboio na Casa Quinhentista

A Pampilhosa teve uma das mais importantes estações de comboios de Portugal quando foi cruzamento da Linha do Norte com a da Beira Alta no final do século XIX. Muito rapidamente o povoado de cerca de meio milhar de habitantes passou de uma economia agrária, com lastro medieval, para a fase industrial. Talvez a melhor…

Ler Mais

No Comboio da Poesia até à Casa da Poesia Eugénio Andrade

O Comboio da Poesia parte de Santa Apolónia, em Lisboa, todas as quarta-feira e sábados. Vai até à Casa da Poesia Eugénio de Andrade. Fica na Póvoa de Atalaia, ao lado de Castelo Novo, onde o Intercidades faz a paragem. O comboio tem uma carruagem dedicada a Eugénio de Andrade e é fácil de identificar…

Ler Mais

As melhores bifanas eram da Casa Branca

A Casa Branca nos Estados Unidos é conhecida por ser a residência oficial do presidente. 
Em Portugal, a Casa Branca do Escoural é conhecida pela estação de comboios e, antigamente, pelas bifanas. Na verdade, hoje pouco resta do movimento dos comboios e as bifanas já desapareceram. A aldeia foi construída em volta do largo da…

Ler Mais