Narcisos conquistam a ponte de Olivença

Os narcisos enchem de amarelo a ponte de Olivença ou da Ajuda no Outono e conquistaram a travessia que foi dinamitada por espanhóis em 1709 na sequência da Guerra da Sucessão espanhola. Da ligação viária de Elvas a Olivença restam 5 arcos na margem esquerda e 8 arcos na margem direita do Guadiana. O rio corre aqui pouco apertado – alarga-se um pouco mais à … Continue a ler Narcisos conquistam a ponte de Olivença

A sedução dos frades pelas praias de Torres Vedras

Os frades eremitas descalços gostam muito das praias de Torres Vedras. Dizem que andam por lá talvez há um milénio.  Hoje marcam presença com o legado de um seminário, o Convento dos Agostinhos e com outro edifício que está em ruínas, junto à praia de Santa Rita. O Convento de Nossa Senhora da Assunção ou Convento Velho de Penafirme está cercado de areia, no meio de … Continue a ler A sedução dos frades pelas praias de Torres Vedras

O Montinho romano das Laranjeiras

Os romanos tinham bom gosto. Construíram uma Villa mesmo ao lado do rio Guadiana com uma bela vista e num sitio agradável para viver. Ainda hoje quando se visita a Villa Romana do Montinho das Laranjeiras temos essa sensação. Uma ligeira encosta junto ao rio que aqui se manifesta sereno e imponente devido à extensão do seu percurso que é visível. No presente tem muitas embarcações … Continue a ler O Montinho romano das Laranjeiras

O romano rico do Rabaçal

O Rabaçal é afamado pelo queijo mas agora está também a ganhar notoriedade com a permanente descoberta da vila romana. Estão a ser feitas escavações arqueológicas nas últimas décadas e o que já se pode ver revela que o proprietário da vila era rico. Ter uma casa de campo, um palacete, com mosaicos e paredes forradas a mármore são alguns sinais de grandes posses económicas … Continue a ler O romano rico do Rabaçal

Juromenha: bela e maltratada!

Como é possível terem deixado a Fortaleza de Juromenha chegar a este estado de abandono e vandalização?! É incrível ao ponto a que chegou uma fortaleza com séculos de existência e até classificada como Imóvel de Interesse Público. O espanto não é apenas dos visitantes. Há também uma forte indignação das pessoas que residem na aldeia e se insurgem contra o abandono que se verifica … Continue a ler Juromenha: bela e maltratada!