Os tesouros da Lapa dos Dinheiros

A Lapa dos Dinheiros  é um dos segredos da serra da Estrela. É uma aldeia de montanha a cerca de 700 metros de altitude e envolvida por uma profunda beleza natural. Todo o ano. No Outono os caminhos estão decorados com amarelo e vermelho, essencialmente no souto de castanheiros. Com o som de fundo da ribeira…

Ler Mais

Namorar a natureza no Covão de Ametade, o “coração” da serra da Estrela

O Covão de Ametade é um deslumbramento em qualquer altura do ano. Nesta época as árvores estão a ganhar novas tonalidades, cores quentes que acentuam o ambiente romântico. No final da estação ficam quase despidas. O rio Zêzere, agora muito sereno, está parcialmente coberto com um manto de folhas amarelas. A fotografia icónica do Verão,…

Ler Mais

Caminhar na serra da Estrela a partir da Torre

O ponto mais alto de Portugal continental fica num planalto, tem uma rotunda, dois centros comerciais e o acesso é por estrada alcatroada. Foge à ideia habitual de um lugar ermo. Talvez por isso, é ponto de passagem obrigatória durante todo o ano. Só quando há muita neve – um dos momentos mais esperados –…

Ler Mais

Vamos às compras no ponto mais alto de Portugal continental

A Torre, o lugar mais alto de Portugal continental, foge à ideia habitual de um lugar ermo. Pelo contrário, é de fácil acesso, por estradas alcatroadas, fica num planalto, tem uma rotunda e até dois centros comerciais. Podem construir torres ou arranha céus, mas nenhum centro comercial alcança a altitude do da Torre, na serra…

Ler Mais

Verdelhos tem uma das praias fluviais mais bonitas da serra da Estrela

Verdelhos, na serra da Estrela, tem duas praias fluviais. O rio Beijames oferece a primeira, magnifica, com cascatas, pouco depois da nascente. A segunda praia fluvial atravessa a aldeia. É difícil saber a que tem água menos fria. Verdelhos integra o Parque Natural da serra da Estrela, está a mais de mil metros de altitude…

Ler Mais

Cortes do Meio a “Capital das Piscinas Naturais”

Cortes do Meio pertence à rede das Aldeias de Montanha e todas as manhãs acorda a olhar para a vertente sul da Serra da Estrela. No ponto mais alto são as Penhas da Saúde e no vale, paralelo à aldeia, corre a ribeira de Cortes.No percurso que acompanha a Freguesia há muitos poços, quase duas…

Ler Mais

O fantástico refúgio de Bouça

Bouça está escondida na vertente sul da serra da estrela, a quase mil metros de altitude, na freguesia de Cortes do Meio. O olhar fica prisioneiro da serra. No alto da serra, um pouco mais acima, podemos estar a ser observados da Varanda dos Pastores, uma enorme fraga que direciona a nossa atenção para o…

Ler Mais

Covão da Ametade cheio de deslumbramentos

A descrição do Covão da Ametade está repleta de qualificativos para retratar o seu deslumbramento. “O coração da Serra da estrela”, “romântico”, “brutal”… Sem dúvida que há um covão de emoções quando se visita. Um dos motivos que leva muita gente a procurar a clareira entre três gigantes graníticos, num ambiente natural, verdejante é contemplar…

Ler Mais

Beijames em Verdelhos

Do alto de uma encosta da serra da Estrela, a 1.500 metros de altitude, contemplamos um vale que se alonga por cerca de uma dezena de quilómetros. Uma imensidão de verde, ondulado em vários tons.Apenas sobressai Verdelhos. O casario está abrigado no fundo do vale, envolvido por um verde intenso que estará na origem do…

Ler Mais

Montanhismo e caminhadas na serra da Estrela

A serra da Estrela oferece-nos uma imensa variedade percursos para caminhadas e lugares fantásticos para montanhismo e escalada. Há muito por onde escolher e a época do ano também é uma opção a ter em conta. Para fazer montanhismo ou simples caminhadas na Serra da Estrela, Samuel Passos, monitor de montanhismo e escaladas refere que…

Ler Mais

As cascatas de Cortes do Meio até ao alto da Serra da Estrela

A serra da Estrela, na vertente sul, muda muita a paisagem consoante a estação do ano. Entre fragas enormes que esmagam o olhar, a Primavera dá agora uma nova vivacidade de cores e perfumes. Sucede à aridez do inverno que em algumas alturas ganha um manto branco. A neve aveluda a superfície e engrandece a…

Ler Mais

As azenhas da ribeira de Cortes na serra da Estrela

Eram muitas as azenhas junto à ribeira de Cortes e davam algum sustento às famílias que viviam isoladas na vertente sul da serra da Estrela.A mais de 1.500 metros de altitude, com poucos recursos naturais que eram apenas aproveitados por pastores que subiam com os rebanhos até às Penhas da Saúde. Ainda hoje a paisagem…

Ler Mais

O paraíso do Poço da Broca da Barriosa

O Poço da Broca da Barriosa é um paraíso. A envolvência já é, por si, de grande beleza, no sopé da Serra da Estrela, próximo de Vide. Quando chegamos a primeira impressão torna-se definitiva. É um lugar belo. Um testemunho partilhado por Ana Rita que ficou seduzida pelas quedas de água. “É um sítio muito…

Ler Mais

Um banho na praia fluvial mais alta de Portugal – Vale do Rossim, na serra da Estrela

Hoje vamos à praia no alto da serra da Estrela. Em Vale do Rossim, próximo das Penhas Douradas, um dos pontos mais altos de Portugal Continental. E a água não é fria. Estamos a mais de 1.400 metros de altitude em frente de uma enorme lagoa azul que quebra a monotonia dos tons escuros do…

Ler Mais

Praia fluvial de Valhelhas: a banhos na serra da Estrela

A caminho de Manteigas, numa das entradas da serra e já com a altitude nos 521 metros, vamos refrescar-nos no meio da natureza. A praia fluvial de Valhelhas é das primeiras a tirar proveito da frescura das águas do Zêzere. O rio aqui ainda é jovem. A nascente fica um pouco mais acima, não muito longe.…

Ler Mais

Algodres tem um pelourinho “com uma altura que é uma coisa maluca”

Os relatos de viagens estão cheios de hipérboles e uma das inspirações é em Algodres. Estamos a 700 metros de altitude, no topo de uma encosta, e o miradouro do alto da vila é uma das varandas com melhor vista para a serra da Estrela.O granito domina no casario. Na construção das casas e nos…

Ler Mais

Vide está no melhor de dois mundos

Vide é um breve ponto de passagem entre as serras do Açor e da Estrela e faz também a ligação entre os vales e alguns dos lugares mais altos de Portugal. Conjuga ainda a natureza do xisto com a montanha de granito. Está no melhor de dois mundos. O elo de ligação é uma bonita…

Ler Mais

A sedução das cerejas

Esta é a época das cerejas. Vai, o mais tardar, até Agosto. Mas, este ano, não tem sido um processo fácil. O tempo não ajudou na produção e a pandemia dificulta o escoamento da pouca que, em algumas zonas, se salvou da intempérie do final de Maio. Um contexto que reforça uma atitude solidária e…

Ler Mais