Judiaria e comércio tradicional seduzem visitantes na Guarda

A comunidade judaica na Guarda acompanhou a evolução da cidade desde a sua fundação com o foral de D. Sancho I em 1199. É por este motivo que a judiaria ocupa uma parte relevante da zona protegida pelas muralhas, junto a algumas das principais ruas do centro histórico. É o caso da Rua Direita onde Maria Leal tem uma loja de antiguidades há cerca de … Continue a ler Judiaria e comércio tradicional seduzem visitantes na Guarda