Museu dos Fósforos em Tomar tem a maior coleção da Europa

Sem comentários

Este slideshow necessita de JavaScript.

A coleção revela quase dois séculos de história e de histórias aos quadradinhos. Em caixas ou carteiras.

Milhares de caixas de fósforos em exposiação
Milhares de caixas de fósforos em exposiação

São sete salas que estão cheias de caixas, organizadas por mais de uma centena de países. Coleções de imagens de animais, natureza, carros, personalidades nacionais e internacionais.

Campanha eleitoral em Portugal
Campanha eleitoral em Portugal

Até propaganda de estados ou de campanhas eleitorais se encontra na imensidão de caixas de fósforos. A coleção já deve estar próxima das 80 mil unidades.
A façanha é de um colecionador privado que durante 27 anos recolheu 43 mil caixas e 16 mil etiquetas que ofereceu em 1980 à Câmara de Tomar.

Aquiles da Mota Lima
Aquiles da Mota Lima

Aquiles da Mota Lima começou a coleção com duas carteiras. Estão na primeira sala da Museu. Foi em 1953 e Aquiles da Mota Lima estava em Londres a assistir à coroação da Rainha Isabel II.
Nesta viagem conheceu uma colecionadora norte-americana, trocou com ela algumas caixas e depois nunca mais parou.
A viagem seguiu para outros países europeus e na primeira incursão no estrangeiro recolheu um número suficiente para nunca mais perder o ímpeto de filumenista.
Com a colaboração de familiares e amigos aumentou significativamente a coleção.

Caixas usadas para efeitos decorativos
Caixas usadas para efeitos decorativos

Com outros colecionadores fez trocas e conseguiu alcançar uma imensa diversidade de exemplares que causa admiração ao visitantes do Museu.

Fósforos da antiga União Soviética
Fósforos da antiga União Soviética

Há caixas de mais de 120 países e alguns já nem existem com a mesma designação.
A produção de fósforos em Portugal que se iniciou no final do século XIX também está representada com um numero considerável de caixas. Há também outros exemplares que foram importados.

O espólio do museu está sempre a aumentar com ofertas.

Oferta de mais caixas de fósforos
Oferta de mais caixas de fósforos

No dia da minha visita chegaram mais algumas dezenas de caixas. É a filha de Aquiles da Mota Lima que dirige o Museu e que faz a seleção das doações. Dizem que tem uma memória visual fantástica e que imediatamente sabe se uma caixa já faz parte ou não da coleção.

site_fosforos_DSCF1917
Caixas em tamanho grande

As caixas têm muitas formas, tamanhos e algumas visavam essencialmente um efeito decorativo. Juntando mais informação e outros instrumentos como uma máquina de colar etiquetas nas caixas ficamos com uma percepção mais detalhada de um utensílio que faz arte do nosso quotidiano.

Por fim, não escapa à nossa atenção uma caravela feita de fósforos queimados.

Caravela feita de fósforos queimados
Caravela feita de fósforos queimados

Conforme nos relatou Fernando Silva, o nosso anfitrião, a caravela foi feita por presos da prisão militar de Tomar e ofereceram-na ao Museu.

Fernando Silva
Fernando Silva

A entrada é gratuita.
Museu dos Fósforos em Tomar tem a maior coleção da Europa faz parte do podcast semanal da Antena1, Vou Ali e Já Venho, e pode ouvir aqui.
A emissão deste episódio, Museu dos Fósforos em Tomar tem a maior coleção da Europa, pode ouvir aqui.

O Vou Ali e Já Venho tem o apoio:Af_Identidade_CMYK_AssoMutualistaAssinaturaBranco_Baixo

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s