Retomar os laços na sinagoga de Castelo de Vide

A judiaria e a sinagoga são marcos do centro histórico de Castelo de Vide e ao percorrermos as ruas da encosta do castelo descobrimos, recanto após recanto, sinais da herança judaica. Como refere Glória Montinho, técnica de turismo, há muitas casas com características judaicas, com a porta para a residência no primeiro piso e ao…

Ler Mais

O visto de Aristides S. Mendes para o azul claro de Vilar Formoso

O céu azul claro em Vilar Formoso foi o sinal de alivio para milhares de refugiados da segunda guerra mundial, em particular judeus que tinham um visto assinado pelo Cônsul Aristides de Sousa Mendes. A grande maioria chegou de comboio e ainda podemos revisitar algumas dessas emoções porque a estação da CP não está muito…

Ler Mais

Pinhão D’ouro

O Douro tem uma das mais bonitas linhas ferroviárias portuguesas e a estação de Pinhão é ponto de paragem obrigatório. No passado porque era para abastecer a caldeira do comboio a vapor. Agora, o Comboio Histórico do Douro repete parte dos procedimentos mas além de se reviverem os rituais do transporte ferroviário de há um século…

Ler Mais

A estação dos postais ilustrados de Vilar Formoso

A estação de Vilar Formoso é a principal ligação internacional ferroviária portuguesa. Foi porta de saída de milhares de emigrantes que foram à procura de um sonho. Foi também porta de entrada para milhares de refugiados da Segunda Grande Guerra que fugiram de um pesadelo. Em particular refugiados judeus com passaporte emitido pelo notável embaixador…

Ler Mais

S. Bento – a estação dos cabeças no ar

A Estação de S. Bento no centro histórico do Porto tem sido distinguida como uma das mais bonitas do Mundo e, podemos exagerar um pouco, é uma estação de cabeças no ar. Tantos que por vezes é impossível tirar uma fotografia sem alguém estar a olhar para o tecto. De mapa na mão, centenas de turistas…

Ler Mais

Estação do Rossio – uma das mais bonitas do Mundo

A Estação do Rossio em Lisboa é uma das mais bonitas em todo o mundo. Não passa despercebida a muitas publicações internacionais que por várias vezes lhe atribuíram esse estatuto. A Estação do Rossio não tem a dimensão de gares de Paris ou Nova Iorque mas, certamente com base subjectiva, supera-as com a beleza de um…

Ler Mais

Sinta-se em casa na estação de comboios de Caminha

Uma casa típica portuguesa. Vamos esperar o comboio como se estivéssemos em casa. É este o conceito que podemos inferir das pequenas estações de comboio que foram construídas há cerca de um século e que encontramos em vários lugares do pais. Caminha é um bom exemplo. Paula Azevedo, arquitecta da Unidade de Património Histórico e…

Ler Mais

Fontão de beleza natural

Um roteiro de nostalgia. Uma visita a uma aldeia sem residentes permanentes. Fontão tem cerca de 25 casas, quase todas em xisto, está isolada num vale profundo a 5 km da estrada principal e a 8 km de Loriga, no concelho de Seia. Nostalgia também para quem aqui viveu e só em poucos dias durante…

Ler Mais

Aldeia das Dez vistas para as serras da Estrela e do Açor

A Aldeia das Dez fica na serra do Açor, no concelho de Oliveira do Hospital e faz parte da rede das Aldeias de Xisto. No entanto, quando se chega à povoação pensamos que deve haver engano porque, com excepção da antiga cabine telefónica, as construções são de granito. Fernando Mendes tem um café e um mini-mercado…

Ler Mais

Uma Barroca de sensações no roteiro de xisto

A Barroca é uma Aldeia de Xisto, faz parte do concelho do Fundão e a herança do último século deixou uma profunda dualidade.É uma aldeia rural, namora o rio Zêzere que lhe dá nutrientes para alimentar um solo pobre, mas ao mesmo tempo sofre da profunda intervenção do homem na extração mineira. É uma aldeia…

Ler Mais