Etiqueta: Vou ali e já venho

Roteiro Renascer na Serra da Gardunha

A Serra da Gardunha é única na Beira com as vilas e aldeias viradas para o sol quase todo o dia. A encosta da serra protege do vento e é ponto de passagem para os pastores. Tem ainda ribeiros e moinhos de água que fazem parte do património natural e cultural da região. No Verão

Continue a ler

A rua Direita de Chaves onde se discutia política

“A Firma Ermelinda Dias Chaves – solas e cabedais, fica na Rua Direita, a mais torta de Chaves”. A descrição desta loja, uma das mais tradicionais, é feita pela dona do estabelecimento, Ermelinda Dias. É uma loja centenária que provisoriamente se mudou do 96 para o numero 24. Ermelinda e a irmã, Teresa, fazem a

Continue a ler

A rua Direita do café Alentejano

Comércio na rua Direita

Em Portalegre dividiram a Rua Direita em três mas todos continuam a chamá-la pelo antigo nome. É uma das ruas mais importantes da cidade, está no centro histórico e é comprida. Vai do Hotel José Régio ao café Alentejano que fica no alto da cidade e é um dos ícones do Alto Alentejo. É uma

Continue a ler

“Vai a direito” e ficou a rua Direita de Vila Real

Em Vila Real a rua Direita na verdade é a Roque da Silveira. As pessoas passavam por aqui para a paragem dos transportes públicos, era a que ficava mais perto e ficou com o nome de Rua Direita. Emídio Nogueira trabalha na Rua Direita de Vila Real há mais de 60 anos diz que já foi uma

Continue a ler

Um café no Casino do Luso e um passeio ao Bussaco

Nas tardes amenas e primaveris algumas famílias da Bairrada vão ao Luso tomar um café ou um chá e dar um pequeno passeio nas ruas dos chalés. O charme do Luso não é o mesmo de meados do século passado com os espetáculos na sala do Casino, mas mantém muitos encantos, mesmo fora da época

Continue a ler

Vale da Mó e dos encantos

As termas do Vale da Mó fazem bem às doenças do sangue e gastro-hepáticas mas fora da época termal fazem bem aos sentidos. É um espaço pequeno, muito bonito. Como se fosse uma concha feita pela natureza. Vale da Mó está a cinco quilómetros da Anadia e faz parte da freguesia da Moita. O caminho faz-se

Continue a ler

O segredo de Sangemil

Sangemil fica próximo de Tondela e Viseu mas é um segredo por descobrir. É mais conhecida pelas termas, essencialmente para as pessoas que sofreram acidentes e que recuperam com exercícios físicos nas águas das nascentes das Caldas de Sangemil. No entanto, mesmo fora da época das termas, a aldeia tem um enquadramento natural muito bonito

Continue a ler

Boquilobo – onde nasceu o general sem medo

No largo da pequena aldeia de Boquilobo está a casa onde nasceu Humberto Delgado em 15 de Maio de 1906. A Casa Memorial Humberto Delgado ainda mantém a traça original e um anexo que foi remodelado é onde se encontra mobiliário, fotos, cartazes e documentos sobre o “general sem medo”. Há muitas referencias históricas nomeadamente sobre

Continue a ler

Guerra e Paz em Évora Monte

O castelo é único na Península Ibérica por conjugar uma estrutura defensiva com um paço em estilo renascentista. Nasceu com a guerra da Reconquista, mais tarde foi reconstruído e adaptado às armas de fogo mas nunca esteve envolvido em qualquer conflito. Tiros só de caça. Évora Monte destaca-se também pelo tratado de paz que pôs

Continue a ler

Depois de Vós, Nós no Paço Ducal

Vamos entrar num filme de época. Como vivia a mais importante família da aristocracia e alguns dos últimos reis de Portugal, cujo lema era: Depois de Vós (o rei), Nós (os Braganças). É o cenário que nos oferece o riquíssimo Paço Ducal em Vila Viçosa. Foi a casa dos Bragança, a dinastia que reinou em

Continue a ler