Quem manda é o povo!

Sem comentários

Este slideshow necessita de JavaScript.

Arraiolos é uma bonita vila medieval e com uma característica bem portuguesa: procura-se instituir uma regra mas a população, discretamente, sem ruído, adapta-a à sua conveniência, a regra fica em desuso e quem manda que tire as suas ilações.

Castelo de Arraiolos
Castelo de Arraiolos

Foi o que sucedeu no castelo. É um caso raro em todo o mundo com a estrutura circular e até tinha uma igreja nada modesta.
No entanto, o alto do monte de S. Pedro era agreste, ventoso e a população começou a

Igreja no interior das muralhas de Arraiolos
Igreja no interior das muralhas de Arraiolos

viver fora da fortaleza. Ainda houve medidas de coação mas a vontade do vento empurrava os populares para o sopé do monte.

Vista do Castelo para Arraiolos
Vista do Castelo para Arraiolos

O castelo foi dado a Álvares Pereira e o despovoamento continuou. A erosão do tempo foi desgastando a construção e o terramoto de 1755 causou grandes estragos.
O centro do poder mudou-se entretanto para o meio da vila mas o castelo continua a dar nas vistas. Só isto.

Enquanto se vivia esta indefinição, as congregações religiosas adiavam a decisão sobre o local onde ía ser construída a igreja principal. Foi esta a razão porque a igreja da Misericórdia é de construção tardia, no séc. XVI. Está no actual centro histórico, próximo da praça principal.

A igreja é de estilo barroco e tem a particularidade de as paredes terem enormes painéis de azulejos do séc. XVIII. Está classificada como Monumento de Interesse Público.

Igreja da Misericórdia
Igreja da Misericórdia

Alguns populares consideram que estes painéis são uma relíquia e contam histórias de estranhos tentarem roubar alguns azulejos, retirando-os da parede com uma navalha.

Igreja da Misericórdia
Igreja da Misericórdia

Uma história que deixou incrédulo o sacristão.
Verdadeira ou falsa, o que é certo é a beleza dos painéis de azulejos azuis e brancos.
Tal como sucede numa outra igreja de Arraiolos, no Convento dos Lóios, classificado como Imóvel de Interesse Público e que também tem as paredes revestidas com azulejos azuis e brancos.

Igreja do Convento dos Loios
Igreja do Convento dos Loios

Hoje o Convento dos Loios é uma pousada, fica num vale distante do centro histórico.
No meio do casario todo branco e com ruas estreitas, o centro político e administrativo é a praça do Município.

Praça do Município
Praça do Município

No Pelourinho do séc. XVI estavam sentados dois dos meus interlocutores, mesmo em frente do antigo Hospital Espírito Santo.
Hoje funciona aqui o Centro Interpretativo do Tapete de Arraiolos.

Centro Interpretativo do Tapete de Arraiolos.
Centro Interpretativo do Tapete de Arraiolos.

Foi inaugurado em 2013 e visa dar a conhecer o tapete de Arraiolos e servir como centro de estudos e investigação desta actividade que é uma das marcas mais fortes do concelho.
O acervo permanente tem quatro colecções e o acesso é pago. É muito frequentado.
No Centro Interpretativo está um dos maiores tapetes de Arraiolos até agora produzido.
O tapete gigante tem 120 metros quadrados, pesa 240 kg e inspira-se numa peça do séc. XVII.

As empadas de Arraiolos são merecidamente afamadas
As empadas de Arraiolos são merecidamente afamadas

As duas últimas referências de Arraiolos são de cariz gastronómico: as empadas e os pastéis de toucinho. A fama das empadas tem razão de ser porque são muito boas. Os pastéis de toucinho já não merecem o meu aplauso porque os que me venderam estavam velhos e ressequidos.
Quem manda é o povo! faz parte do podcast semanal da Antena1 Vou Ali e Já Venho e pode ouvir aqui.
A emissão deste episódio, Quem manda é o povo!, pode ouvir aqui.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s