O planalto sagrado da Senhora do Monte

A Senhora do Monte, no concelho de Penedono, está inserida num planalto sagrado com culto de milhares de anos. Esta área está ladeada de cursos de água por onde se espalham monumentos megalíticos. Quatro deles estão referenciados há algum tempo: o Torgal, Carvalhal, Sangrino e a Senhora do Monte também designada por Capela-Dólmen. O que…

Ler Mais

Anta da Cunha Baixa é a segunda maior de Portugal

É  o segundo maior monumento funerário megalítico em Portugal e um dos lugares mais visitados no concelho de Mangualde. A anta fica próximo do Rio Castelo, no lugar da Orca na freguesia da Cunha Baixa, tem uma câmara larga e está coberta com uma laje muito grande. Acede-se à câmara por um amplo corredor. A…

Ler Mais

João Azevedo sugere Roteiro Renascer em Mangualde

O Roteiro Renascer nas zonas mais prejudicadas pelos incêndios do ano passado é da autoria de João Azevedo. O presidente da Câmara de Mangualde sugere um roteiro pelo seu concelho com destaque para Feira dos Santos que se realiza no inicio de Novembro. É um evento que se realiza no interior da cidade e reúne…

Ler Mais

Nisa tem três Monumentos Nacionais

Nisa é muito conhecida pelo seu artesanato, os bordados e a olaria, mas também tem um património histórico muito rico. No concelho há três monumentos nacionais. O singular castelo da Amieira do Tejo, a anta de S. Gens e a muralha de Nisa. D. Dinis mandou construir a fortificação de Nisa no final do século…

Ler Mais

Anta do Zambujeiro é a maior na Península Ibérica

A Anta Grande do Zambujeiro é uma das maiores da Europa e a maior na Península Ibérica, com 50 metros de diâmetro. Impressiona como a conseguiram erguer há 6 mil anos. A serra de Monfurado tem minas, paisagens e monumentos megalíticos e romanos que surpreendem qualquer visitante pela beleza ou singularidade. A serra já foi…

Ler Mais

Fazer chover em S. Brissos

A Anta-Ermida de Nossa Senhora do Livramento é caso raro em Portugal. Por duas razões, pela origem e porque pode ser útil em tempos de estiagem. Na sua origem é uma anta do milénio quarto ou terceiro antes de Cristo, um monumento funerário, que foi transformado em capela. Esta mudança teve lugar no século XVII. Rapidamente…

Ler Mais