Salvaterra do Extremo e de la Mayor

No tempo das guerras fronteiriças era a Salvaterra da Beira. Após a delimitação de fronteiras passou a Salvaterra do Extremo. Foi sede de concelho e a história é recordada no Largo da Praça com a antiga Casa da Câmara e o pelourinho que é do século XVI. Com o novo traçado das fronteiras com Espanha teve também uma fortificação que se confrontava em linha de … Continue a ler Salvaterra do Extremo e de la Mayor

A Falcoaria é Real e património da Humanidade

O rei e a nobreza caçavam durante o dia e à noite assistiam à ópera ou ao teatro. Tudo se passava em Salvaterra de Magos onde existia um paço real e foi construída a Falcoaria que é hoje visitável e até tem uma exibição diária de aves de rapina. A falcoaria era uma actividade muito praticada pelos nobres e em termos gerais sempre foi um … Continue a ler A Falcoaria é Real e património da Humanidade

Escaroupim: das cheias nasceu um paraíso de aves

  O fascínio começa logo à chegada. No final da rua principal, em frente ao largo, deparamos com uma ilha cheia de aves. Ao final da tarde, o rio Tejo, muito calmo, abraça a ilha verde com inúmeras aves brancas e pretas a regressar ao torreão. São várias as espécies.  A que tem maior número de aves é a garça-boieira, mas pode-se ainda encontrar a … Continue a ler Escaroupim: das cheias nasceu um paraíso de aves